30/4/2013

A tecnologia melhora a eficiência energética



by INFORMAÇÃO PARA A IMPRENSA

Engenheiros da Volvo Construction Equipment estão desenvolvendo Sistemas de Transporte Inteligentes (STI) que podem reduzir o consumo de combustível em até 30% em determinadas aplicações, além de aumentar a segurança na operação.

Technology unlocks fuel efficiency

A eficiência no uso de combustíveis é uma das prioridades para proprietários de equipamentos de construção. É por isso que centenas de engenheiros da área de tecnologia da Volvo Construction Equipment (Volvo CE) estão trabalhando em inovações inteligentes para deixar o equipamento o mais eficiente possível no uso de combustível. A área de desenvolvimento tecnológico é a comunicação máquina-máquina (M2M) e máquina-infraestrutura (M2I).

“Um dos avançados projetos de tecnologia em que estamos trabalhando é na tecnologia de comunicação sem fio das máquinaso,” diz Peter Wallin, coordenador de pesquisa na Volvo CE. “Ao aumentar a inteligência de máquinas e possibilitar que estas “conversem” entre si, nós podemos reduzir custos operacionais ao aumentar a eficiência em uso de combustível, ao mesmo tempo em que aumentamos a segurança e mantemos a produtividade. Até o momento estudamos o segmento de minas e agregados e construção de estradas – mas esta tecnologia pode ser usada em toda aplicação de uma máquina Volvo.”

Otimização de frota 

A Volvo CE realizou testes para calcular o potencial em economia de combustível que poderia ser obtido através da comunicação M2M para caminhões articulados em operações do segmento de minas e agregados. O projeto monitorou um articulado carregado com pedras por uma escavadeira no trajeto até o triturador. A máquina foi equipada com um sistema interno de medição para acompanhar o consumo de combustível. O caminhão articulado foi operado por motoristas diferentes, tanto em velocidade constante como variável, com diferentes tempos de marcha lenta, com ou sem paradas. Os testes demonstraram que quando o articulado se deslocou mais rápido que o necessário até o triturador, e portanto sendo forçado a esperar antes de poder descarregar, o consumo de combustível foi 30% maior do que em comparação com quando a máquina se deslocou a velocidade constante  e chegou no memento exato.

“Em conjunto com os testes realizados em Braås, Suécia, foram visitados locais de clientes e monitorada a forma de uso das máquinas,” diz Wallin. “Todos os locais ainda não estão otimizados e normalmente não há uma estrutura especificando o momento da chegada dos articulados no triturador. Frequentemente as máquinas são operadas a velocidade máxima, mas quando examinamos o tempo de marcha lenta fica claro que isto nem sempre é necessário. Quando as máquinas estão estacionárias, esperando para descarregar, desperdiçam tempo e dinheiro. Ao usar comunicação M2M, o operador saberia exatamente quando chegar no triturador e a que velocidade se deslocar até lá. Ao reduzir a velocidade da máquina e o tempo de marcha lenta, estamos reduzindo o consumo de combustível e o desgaste da máquina, além de facilitar o fluxo eficiente de equipamento.”

Olhando para o futuro 


“O próximo estágio do projeto será fornecer informação para o operador – a velocidade a ser usada e o momento de chegada – dentro da cabine,” diz Wallin. “Esta informação apoiará e guiará os operadores para ter uma operação mais eficiente em consumo de combustível. Ela pode ser apresentada em conceitos futuros como displays heads-up e outras abordagens inovadoras. Se todo equipamento no canteiro de obras for equipado com esta tecnologia, as máquinas podem ser ligadas a um ponto de controle central – como um tablet usado pelo gerente do canteiro para otimizar a eficiência da frota. Os resultados deste projeto determinarão se, quando e como esta tecnologia chegará ao mercad., observa.

Segurança ativa


“Uma vantagem indubitável do aumento da inteligência da máquina é a capacidade de introduzir a segurança ativa,” conclui. “A meta da Volvo é reduzir a zero acidentes com seus equipamentos. A tecnologia futura da comunicação M2M irá desempenhar um papel importante para atingir esta ambição. Se combinarmos tecnologia de comunicação M2M com um sistema de frenagem automático, poderíamos evitar a possibilidade de colisões entre duas máquinas Volvo. E equipando os trabalhadores do canteiro com um emissor ou transmissor sem fio, as máquinas poderiam também detectar e evitar pessoas próximas a elas.”


Texto: Charlie Ebers

Legenda: Ao conectar equipamentos de construção equipados com tecnologia de comunicação M2M a um ponto central, o gerente do canteiro pode otimizar a eficiência de sua frota.

Para maiores informaçõe, acessar: www.volvoce.com/press

Ou contatar:

Elisabet Altin    
Director, Communication Technology
Volvo Construction Equipment
Tel: int +46 470 387809                    
Email: elisabet.altin@volvo.com

Charlie Ebers
SE10
London
Tel: int +44 207 107 2016
Email: ebers@se10.com

Versão para impressão